Voltar

Estado de Minas e DCI entrevistam presidente e vice-presidente sobre judicialização e home care

Estado de Minas e DCI entrevistam presidente e vice-presidente sobre judicialização e home care

Estado de Minas e DCI entrevistam presidente e vice-presidente sobre judicialização e home care

27 Agosto 2015

27 de agosto de 2015

 

No jornal mineiro o foco foi a judicialização dos planos de saúde e o projeto que propõe a proibição de liminares que determinem o tratamento com procedimentos experimentais onerosos ou não homologados pelo Sistema Único (SUS). Entrevistado, Mohamad Akl reforçou a preocupação da operadora com o número crescente de ações judiciais. "Segundo Akl os gastos com órteses e prótese não deveriam ultrapassar 4% das despesas, mas chegam a representar 9%. A Central Nacional Unimed pretende reduzir a judicialização intensificando programa de informação aos seus usuários."
 
Já no DCI, o home care da Central Nacional Unimed foi o destaque. Na matéria, Humberto Jorge Isaac falou sobre os custos com o atendimento domiciliar e o retorno positivo que o programa proporciona. "Investir em home care é uma tendência mundial. Além de ser bom para o paciente por colocá-lo na assistência familiar, também reduz a reinternação", diz o vice-presidente.
 
Leia as matérias na íntegra: Estado de Minas | DCI


Média (0 Votos)

COMPARTILHAR: